Menu

userImg showBgrSwitcher

Design de Fundo por

userImg

Obrigado!

Menu

MINI Takes The States – a caravana roda

O MINI atravessando a América do Norte, já faz por si só que  uma viagem seja extraordinária. No entanto, efetuar esta viagem com centenas de pessoas com a mesma opinião, torna a viagem um acontecimento todo especial. No local, presente com seu MINI, Axel da equipe MINI Space. Após cinco dias e 1.600 milhas, ele já vivenciou muito e tem ainda mais para contar. E nem chegamos ainda na primeira metade do MINI Takes The States. Aqui o seu primeiro relato dos EUA.

MTTS 2012
Axel e seu MINI Countryman que ele próprio tatuou.

E então, você já foi flagrado inserindo em um mapa virtual um ponto de partida e um de chegada imaginário, só por curiosidade, para saber quantos quilômetros são e quanto tempo levaria na teoria para percorrer esta distância de carro? Então vamos simplesmente inserir Nova Iorque como ponto de partida e Chicago como destino. Resultado: uma linha reta do Atlântico até os Lagos Michigan. Porém não é assim que funciona se você estiver viajando com o MINI Takes The States. Porque aí o objetivo não é o trajeto mais curto, mas sim o mais excitante e, desta forma, 800 milhas tornam-se facilmente 1.600 milhas, onde você descobre, vê, aprende  e vivencia um número inacreditável de coisas. 

Mini Takes the States 2012
“A diversão não é uma linha reta” – não quando se depara com uma bela pista para correr com o seu MINI.

O mais importante é: dirigir um MINI nos Estados Unidos, talvez seja uma experiência um pouco maior do que em outros países, é uma atitude básica de vida. E dela a gente se orgulha. Orgulha-se até demais, de modo que os MINIacs ferrenhos sempre mostram com prazer sua coleção de troféus. Via de regra, esta é composta por badges na grade do radiador, inúmeros adesivos no porta-malas, nos vidros traseiros e laterais, placas personalizadas, assim como, camisetas e buttons em diversos Lanyards. Assim fica fácil reconhecer rapidamente os locais que você já visitou com seu MINI e de quais eventos participou. Porém, isto também significa nos EUA percorrer de forma obstinada os quilômetros, pois "logo ali“ não é brincadeira. Não é de se admirar que alguns MINI com 160.000 km ou mais rodam sem reclamar pelos Estados Unidos, e no MTTS são adicionados mais algumas centenas de quilômetros diariamente. Na América, simplesmente, tudo é gigantesco. Distâncias, hambúrgueres e automóveis. E é exatamente por isto que os motoristas do MINI valorizam tanto diferenciar-se das inúmeras caminhonetes pickups e SUVs.

Mini Takes the States 2012
Navegando num dia ensolarado com uma galera unida e aficcionada por MINIs? Não dá pra deixar de curtir também.

Porém de uma coisa não se consegue esquivar mesmo como motorista do MINI nos EUA: rígidos limites de velocidade e rodovias que parecem ser traçadas com uma régua, que não acabam, mesmo após o horizonte. Porém, se você desviar corretamente, acabará em trajetos maravilhosos que correspondem totalmente ao ditado: “Fun is not a straight line“. E os idealizadores do MTTS levaram exatamente isto em consideração para criar a rota para os seus participantes, sendo assim, não é de se admirar que no terceiro dia da viagem de onze dias, quase todos os participantes conseguem alcançar o destaque do programado MTTS: as Smokey Mountains no Tennessee. Os trajetos locais através de florestas densas e ao longo de lagos idílicos é uma experiência completamente fora do comum. O ponto alto é o mundialmente conhecido “Tail of the Dragon“. Um trajeto de onze milhas com incríveis 318 curvas. Este trajeto, com certeza, compensa todas as retas desta viagem.

Clique numa foto para abrir a galeria de imagem (10 image)

Porém, rodar 1.600 milhas em cinco dias pode ser bastante cansativo, aí, se torna bem mais divertido trocar ideias com os companheiros sobre as rotas perfeitamente planejadas e as paradas intermediárias habilmente escolhidas. Pois em uma coisa os americanos se destacam: discutir com entusiasmo total sempre e em toda a parte sobre o próprio MINI e sobre o trajeto percorrido. Com o MINI Takes The States, não só um sonho virou realidade,, mas também para todos os participantes americanos. O mito do desbravador, em sua jornada para o oeste, atravessando os EUA, ainda continua a ser realidade. Apenas o transporteficou  significativamente melhor, graças ao MINI.

Dicas Link:

MTTS Backstage
Resumo MTTS
MINI Space Facebook
MINI Facebook

Compartilhe

facebook
googlePlus
pinterest
stumbleUpon
E-Mail
separe os endereços com uma vírgula

Comentáriosnts

Exclusiva "Night Riders": Nos Bastidores com Tony Hawk e Guerlain Chicherit

12. dezembro 2014

O novo MINI John Cooper Works fez sua estreia nas ruas de Los Angeles. Confira aqui tudo que rolou por trás das câmeras em "Night Riders" com Tony Hawk e Guerlain Chicherit.

Concurso de Design Take 5: Conheça os Vencedores!

15. dezembro 2014
Take 5 Design Competition: Winners Announced!

Queremos dar criativas boas-vindas para o novo MINI 5-Door, por isso o MINI Space desafiou sua comunidade a elaborar trabalhos com o número 5 estilizado. Confira os vencedores aqui!

Dakar 2015: Fique por Dentro com os Melhores GIFs

15. dezembro 2014
Dakar 2015: Stay in the Loop with Epic GIFs

A equipe X-raid se dedica às aventuras em tempo integral. Ultrapasse limites com essa seleção GIFS automobilísticos impressionantes.

John Cooper Works Apresenta: “Night Riders” com Tony Hawk e Guerlain Chicherit

11. dezembro 2014

Velocidade, manobras e as ruas da cidade. O novo MINI John Cooper Works faz sua estreia audaciosa nas ruas de Los Angeles. Sinta toda a adrenalina aqui.

Uma Nova Era: Uma Breve História do MINI no Rali Dakar

17. dezembro 2014
New Era of Motorsport Dominance: A Brief History MINI at the Dakar Rally

O MINI compete no árduo Rali Dakar desde 2011 e já venceu 3 das 4 edições em que participou. Confira a retrospectiva das grandes vitórias do MINI desde os seus dias de glória nos anos 60 aqui.

2015 Dakar: MINI apresenta “Connect Four”

19. dezembro 2014
2015 Dakar: MINI Plays “Connect Four”

Mais de 9.000 quilômetros sobre dunas de areia perigosamente moles, através de campos de pedregulhos traiçoeiros, pelas alturas gigantescas dos Andes, e penetrando no calor implacável do deserto, de uma das regiões mais secas do planeta: quem ambicionar a vitória tem que estar preparado para sofrer. Tudo isto é uma certeza, assim como o facto da MINI estar preparada, para defender com sucesso, o seu título, no Rally Dakar 2015.